No show em Salvador, Emicida defende o Quilombo Rio dos Macacos

Postagem original em 07-02-2013 19h49m

543-2

Rapper disse que para visitar a comunidade teve de desviar da Marinha do Brasil

Em Show na Concha Acústica do TCA em Salvador, na noite de terça, 05, o rapper paulista Emicida, falou em defesa do Quilombo Rio dos Macacos da Bahia.

O Quilombo é uma das comunidades de descendentes de escravos mais antigas do país e está localizado na região limítrofe entres os municípios de Salvador e Simões Filho. A área vem sendo reivindicada pela Marinha do Brasil para a expansão de um condomínio para os seus oficiais.

Durante o show o Rapper levantou uma espécie de flâmula na qual podia se ler a inscrição “Somos Quilombo Rio dos Macacos”. O ato provocou muitos aplausos do público. Daí então, Emicida passou a falar palavras em defesa ao Quilombo.

Depois o Rapper contou à platéia que foi visitar o Rio dos Macacos, mas foi barrado pela Marinha do Brasil. “Daí tivemos de fazer igual aos nossos irmãos do passado, desviar a rota”, disse Emicida, revelando como fez para chegar até o Quilombo.

Leia textos do Bahia na Rede Sobre o Quilombo Rio dos Macacos

Assista documentário
316-3

Durante o show outros manifestos foram feitos pelo artista, a exemplo de: “O paraíso né noutra vida não, mano; nós quer é nessa”; “eles tocam nos ipod, eu, todos nós, nos corações”; e “o bagulho é racial, acima de tudo”.

Como quem faz uma alerta sobre as razões da violência no Brasil, Emicida também falou que “enquanto não se reverter a desigualdade social, enquanto não se fizer reforma agrária nesse país, vai escorrer sangue pra caralho”.

E assim, ao longo do show, o rapper ia mandando sua verborragia para um grande público na Concha Acústica do TCA. Platéia que cantava e acompanhava as suas músicas com bastante empolgação, demonstrando esquecer o atraso da programação marcada para começar às 17h, mas que só iniciou às 19h.

O show aconteceu como encerramento da programação do Congresso Internacional Digitalia, realizado em Salvador desde a noite de sexta, 01. De acordo a organização do evento, o atraso no show aconteceu por conta da empresa de segurança contrata que não chegou no local à tempo para que os portões da Concha pudesse ser abertos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s